Clique para ativar o zoom
Loading
Não encontramos resultados
abrir mapa
Ver Mapa de Estradas Satélite Híbrido Terreno Minha Localização Fullscreen Anterior Seguinte
Pesquisar Imóveis

0 € - 1.000.000 €

Encontramos 0 resultados. ?
Pesquisar Imóveis

0 € to 1.000.000 €

we found 0 results

Your search results

Vou mudar de casa! E agora, o que fazer?

Procurar e escolher a casa ideal é já por si um quebra-cabeças. Contudo, as mudanças são o terreno mais temido em todo o processo. Arrumar, embrulhar, encaixotar e transportar tudo de uma casa para outra são tarefas que requerem muita organização e tempo. Mas não se assuste! Apresentamos de seguida 6 dicas úteis que o vão ajudar nesta fase tão complicada:

1º – Comece com antecedência

Sem vontade para começar? Deixe a vontade de lado e comece com tempo a organizar todo o processo de mudança. Inicie com pelo menos um mês de antecedência a identificar e a empacotar os objetos que quer levar consigo. Pode parecer muito tempo, mas não é. Comece o quanto antes!

2º – Reserve o essencial 

Faça uma lista de tudo o que vai precisar. Roupa, produtos de higiene e limpeza, artigos de beleza e a comida dos seus animais de estimação são apenas alguns exemplos. Em relação aos alimentos, deve aproveitar para esvaziar a sua despensa. Lembre-se disso quando for ao supermercado. Compre apenas o necessário.

3º – Proteja os materiais mais frágeis

Use plástico de bolhas, toalhas e mantas para que os materiais mais frágeis não se danifiquem durante a mudança. Guarde também as peças mais pequenas e fáceis de perder em sacos com fecho zip. Deste modo, vai conseguir transportar de uma forma simples e cuidadosa todos os seus artigos para a nova habitação. 

4º – Reutilize e poupe

Já pensou em quantas caixas vai precisar para transportar todos os seus bens? Uma solução será pedir aos seus amigos, familiares e vizinhos, caixas e caixotes de que já não necessitem. Além disso, pode sempre reutilizar coisas que já não usa, nomeadamente cobertores, mantas, revistas e jornais para embrulhar os objetos mais frágeis.

5º – Organize

Identifique todas as caixas e indique a qual divisão cada uma se destina. Com este procedimento, vai facilitar todo o processo de transporte e desmontagem. Pode também optar por numerar as caixas e fazer uma listagem com a correspondência entre o número da caixa e o seu conteúdo.

6º – Cancele ou altere todos os seus serviços

Contacte os seus fornecedores de televisão, internet, telefone, água e eletricidade para alterar ou cancelar o seu contrato atual. Dirija-se ao posto de correio e trate de pedir a reexpedição da sua correspondência. E não se esqueça também de alterar o seu local de residência, no cartão de cidadão, junto das finanças, segurança social, bancos, entre outras entidades.

No final, verifique todas as divisões da sua antiga casa para garantir que nada fica esquecido. Faça tudo com calma para que o processo de mudança seja simples, célere e, quem sabe, divertido!

Boa sorte!